Irmão vai para a guerra, sobrevivente (Inglês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Inglês) Naquela época, quando ele veio pegar o meu irmão, a minha mãe não derramou uma lágrima. Ela sorriu e disse: “Você agora é um americano, não importa o que acontecer. Não suje o nome da família Oyama. E como você cresceu sem pai, não faça nada para desonrar o nome da família. Você vai lutar pela América, porque você pertence a esse país”.

Depois que o meu irmão partiu, eu voltei para a casa e fiquei surpresa porque [...] Quando eu voltei para casa, a minha mãe tinha se trancado no quarto e estava chorando desesperadamente. É isso o que eu mais admiro da minha mãe. Ela nunca demonstrou fraqueza porque ela queria sempre parecer forte para nós, que estávamos crescendo sem pai. Eu acho que foi isso que nos manteve.

Nós éramos uma família tão unida, sabe? Eu acho que aquela foi a única vez que eu a ouvi chorando mesmo. Eu acho que como víuva e mãe, deve ter sido muito difícil para ela. Uma vez ela quis largar a gente; eu acho que ela queria fugir de tudo. Mas um vizinho gentil, sabe ... Os adultos fizeram com que ela desistisse da idéia. Depois que me casei, eu descobri como foi difícil durante aquele período de imigração. Eles estavam aqui, longe da família no Japão, sem parentes para ensiná-los viver por conta própria.

Data: 19 de fevereiro de 2004
Localização Geográfica: Havaí, Estados Unidos
Interviewer: Lisa Itagaki, Krissy Kim
Contributed by: Watase Media Arts Center, Japanese American National Museum.

family World War II

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation