Greve de trabalhadores em 1920 (Inglês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Inglês) O meu pai era um auxiliar administrativo no armazém da velha refinaria de açúcar. Era um galpão enorme, one ele tomava conta do inventório. Todos os materiais hospitalares, todos os materiais dos bombeiros, e até os materiais da marcenaria eram armazenados [barulho de caminhão] nesse galpão enorme logo acima do vilarejo da plantação – o vilarejo da plantação havaiana. Foi muito difícil para ele tomar parte na greve porque ele era assalariado. Eu acho que no começo, ele não [tomou parte], sabe? Eu acho que ele sofreu porque as pessoas ficaram contra ele; eu acho que ele sofreu discriminação. No final, ele acabou se unindo aos trabalhadores em greve. E eu acho que isso deixou um sentimento muito desagradável dentro dele, fazendo com que ele decidisse retornar ao Japão.

Data: 19 de fevereiro de 2004
Localização Geográfica: Havaí, Estados Unidos
Interviewer: Lisa Itagaki, Krissy Kim
Contributed by: Watase Media Arts Center, Japanese American National Museum.

hawaii labor strike sugar plantation

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation