Abrindo a escola para moças (Japonês)

O motivo da vinda ao Brasil (Japonês) Abrindo a escola para moças (Japonês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Japonês) Só corte e costura não era suficiente, era necessário habilitação como professora. A escola era como as escolas de moças do Japão, o japonês tinha nível ginasial, costura, culinária, geografia, ciências, história, anatomia, higiene e desenho. Tínhamos vários professores e, prejuízos todos os meses mas, tínhamos muitas alunas de costura e, de uma maneira ou de outra, fomos levando apesar dos prejuízos. Se, depois de formadas são pessoas qualificadas, não nos importávamos com os prejuízos. Pedíamos para professores formados em faculdades e trazíamos livros do Japão...

Aí surgiram pessoas que entravam nas faculdades e, cada vez mais, na sociedade brasileira. A partir daí, não pode ser só corte e costura, pensei, e abri uma escola brasileira. No início, com poucos alunos e com muitas dificuldades. Para pagar o 13º salário fazíamos festa junina, emprestávamos dinheiro do banco e íamos adiante. Durante 7 ou 8 anos foi muito difícil. Estou muito agradecida, sofri muito, mas agradeço a Deus por ter me dado um trabalho tão bom.

Data:
Localização Geográfica: Brasil
Contributed by: Caminho da memória - 遥かなるみちのり. São Paulo, Brazil: Comissão de Elaboração da História dos 80 Anos de Imigração Japonesa no Brasil, 1998. VHS.

Brazil education

Heróis Nikkeis: Pioneiros, Modelos e Inspirações

Leia as histórias Heróis Nikkeis >>

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation