Tirei licença de cozinheiro atraído pela vida no exterior (Japonês)

A obtenção de residência permanente por 10 mil dólares (Japonês) A impressão que tive na primeira vez que vim aos Estados Unidos (Japonês) Tirei licença de cozinheiro atraído pela vida no exterior (Japonês) O começo da vida de imigrante (Japonês) Com a ajuda dos nikkeis (Japonês) A dura vida na pensão (Japonês) Trabalhando para gays (Japonês) O navio de imigrantes Brasil Maru (Japonês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Japonês) Enquanto estudante universitário fazia bico trabalhando no ramo de comida e bebida e em fábrica de obento. Para tirar licença de cozinheiro é preciso a permissão do dono da fábrica de obento – a assinatura dele – e levar esse papel para prestar o exame. Por que eu quis tirar isso: na época quem tivesse essa licença podia embarcar em navio cargueiro ou navio misto de passageiros e cargas e viajar de graça. Mas isso não foi possível. Chegando aqui, antes de ser jardineiro, procurei emprego no bairro japonês, onde havia apenas 2 ou 3 restaurantes de comida japonesa. E quando eu dizia que tinha licença de cozinheiro todos se assustavam e, ao contrário, não me davam emprego. Parecia que não queriam alguém gabaritado.

Data: 4 de agosto de 2015
Localização Geográfica: Califórnia, Estados Unidos
Interviewer: Mitsue Watanabe
Contributed by: Watase Media Arts Center, Japanese American National Museum

cooking license japanese restaurants Los Angeles migration

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation