Escolha o seu idioma de preferência para tirar o máximo proveito das páginas do nosso Jornal:
English 日本語 Español Português

Fizemos muitas melhoras nas seções do nosso Jornal. Por favor, envie-nos a sua opinião ao escrever para editor@DiscoverNikkei.org!

Kagirinaku Tookatta Deai

Minha primeira pizza

A primeira vez que comi uma pizza, eu gostei tanto, que fiquei imaginando se no mundo haveria alguma coisa mais gostosa do que uma pizza. É que, quando menino, morando no norte do Paraná não tivera até então, oportunidade de prová-la. No começo dos anos cinqüenta, - quando tinha sete anos, - vim com os meus pais, pela primeira vez a São Paulo. A Sra Otane de quem meus pais, desde quando eram solteiros, receberam muita ajuda, encomendara uma Pizza, numa padaria ali no Mercado Municipal. Era para que eu provasse a pizza, certamente uma novidade para mim, caipira que era.

A Sra Otane, casada com o Sr Nishino tocava o Hotel Toyo desde os anos 1920. O sobrenome de solteira da Sra Otane era Iwao e por ser uma pessoa muito prestativa era muito conhecida na comunidade.

Quando ela me iniciou na pizza, lembro bem, era uma senhora cheinha e puxava um pouco a perna direita. O Hotel Toyo de então, estava instalado em alguns andares num prédio em frente ao Mercado Municipal na Rua Mercúrio. 

É sobre ela que ouvi da minha mãe, quando com saudades relembrava coisas do passado.

Minha mãe e meu pai

O pai dela, o meu avô Uichi Okumura antes de ser imigrante, nunca tinha sido lavrador. Este diferencial foi para ele e a família a causa do enorme e desproporcional sofrimento em relação a outros imigrantes. Fazia alguns anos que Uichi havia chegado ao Brasil, passando de fazenda em fazenda até chegar à Fazenda Ermida de plantação de algodão, próxima à cidade de Jundiai.

Certo dia achou, por acaso um pedaço velho de jornal japonês, com cumprimentos de final de ano Dentre eles havia o do Hotel Toyo. O acaso é uma coisa misteriosa e surpreendente, tem ar de toque divino. Naquele anúncio, por um equívoco do jornal, estava impresso o nome de solteira de IWAO OTANE. Uichi quando viu esse nome, teve um choque. Desde que chegara ao Brasil era a primeira vez que saberia onde procurar uma pessoa em quem poderia confiar. Otane, tinha trabalhado em seu restaurante em Kumamoto. Saiu gritando:

“A Otane está no Brasil! A Otane está no Brasil!”.

Era como que encontrasse uma tábua de salvação. Foi por causa desse acaso que Toshiko começou a trabalhar no Hotel Toyo. Minha mãe tinha então 19 anos. 

Sinto um toque mágico nessa estranha coincidência do acaso que envolve o meu primeiro encontro com a pizza e o Mercado Municipal de São Paulo. Não sei se é por isso, mas sempre tive uma atração nostálgica e um profundo fascínio pelo Mercado Municipal.

Algumas celebridades e gente bonita de televisão podem ser vistas com freqüência naquele Mercado. Lá podem ser saboreados os melhores sanduíches e pastéis de São Paulo, talvez os melhores do hemisfério sul.

Quando vou lá, sempre me recordo da minha primeira pizza e da Sra Otane. Fiquei sabendo, muitos anos depois, que ela retornou para o Japão e passou seus últimos dias na sua terra natal. Que Deus a tenha em paz.

Mercado Municipal de São Paulo – inaugurado em 1933. Projetado e construído pelo famoso arquiteto Ramos de Azevedo. Entre 1927~1932 serviu como Quartel General na revolução constitucionalista de 1932, contra a ditadura Vargas. (http://d.hatena.ne.jp/carlos55/20080701/1214889703)

* Esta matéria foi extraída do livro "Kagirinaku Tookatta Deai (限りなく遠かった出会い)" de Hidemitsu Miyamura, publicado em 2005. Foi revisado e traduzido pelo autor em 23-01-2013.

© 2005 Hidemitsu MIyamura

Brazil immigrants issei kumamoto sao paulo Toyo Hotel

Sobre esta série

Publicou em 2005 um livro de crônicas em japonês, com o título de Kagirinaku Tookatta Deai (限りなく遠かった出会い), coletâneas de matérias publicadas na coluna “Dokusha no room”,  no jornal São Paulo Shimbun. No livro constam episódios extraídos de um diário do seu pai com a jornada da sua vida. Falecido em 1995 com 81 anos, seu pai veio ao Brasil como imigrante em 1934 com 19 anos. Nesta série serão apresentados alguns episódios extraídos do livro.