As condições de vida em Crystal City, Texas (Inglês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Inglês) Nós íamos para a escola japonesa depois da escola norte-americana, íamos para a escola japonesa durante todo o sábado e íamos à igreja no domingo, então havia escola todos os dias [risos], de uma forma ou de outra. Muitas atividades para as crianças eram programadas e parecia que todos estavam envolvidos. O pai do meu amigo era o que eles chamavam de polícia. Ele costumava depois do pôr do sol, acho que nove horas, ele costumava se certificar de que todos os jovens estavam em suas casas ou algo assim, mantendo a delinquência baixa. [Risos] Eu não sei qual era o papel da polícia. Meu pai era açougueiro.

Todos meio que pareciam - eu não sei. Da minha perspectiva, pelo que eu li, das minhas irmãs e do tom, era apenas mais saudável, um lugar muito mais saudável. Fomos encarcerados. Não havia nenhuma dúvida sobre isso e a amargura da prisão estava lá, mas [as pessoas] eram capazes de contorná-la de alguma forma e viver uma [vida] decente, mais próxima a uma vida familiar comunitária, que era impossível em Minidoka.

Data: 27 de maio de 1998
Localização Geográfica: Washington, Estados Unidos
Interviewer: Lori Hoshino
Contributed by: Denshō: The Japanese American Legacy Project.

crystal city incarceration internment World War II

Heróis Nikkeis: Pioneiros, Modelos e Inspirações

O prazo para o envio de artigos até 30 de setembro.

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation