Indo para a América (Inglês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Inglês) Eu sempre quis sair daquela cidade pequena. Na vizinhança, bem próxima – só uma quadra – havia um cinema. John Wayne e todos aqueles—pow, pow, pow—cawboys americanos valentões. Não conseguia entender muito bem o inglês mas conseguia apreciar a história, onde sempre o vilão morria (no) final. Uma história bem simples. Então eu pensei que os Estados Unidos fosse um grande país, e também desejei imigrar (para) lá.

E*:Por que São Francisco?

Essa é uma outra história ok? Eu conheci minha esposa em Tókio quando estava na faculdade praticando artes marciais. Ela nasceu na América – terceira geração de família japonesa. Ela estava indo para o Departamento Internacional da Universidade de Waseda. Como sua formação era fotografia, minha prática mostrou ser de grande interesse. Ela tirou uma foto minha e fomos nos conhecendo. Eu disse a ela que gostaria de vir para os Estados Unidos (por) um longo tempo ou, Brasil. Mas eu não poderia por não ter experiência em agricultura. Foi então que o pai dela morreu, mas seu irmão mais velho responsabilizou-se pela obtenção do meu visto. Então, eu imigrei – não para São Francisco - para Watsonville para trabalhar na colheita e cultivo de morango, junto com um Mexicano.

* "E" representa o entrevistador (Art Hansen).

Data: 27 de janeiro de 2005
Localização Geográfica: Califórnia, Estados Unidos
Interviewer: Art Hansen, Sojin Kim
Contributed by: Watase Media Arts Center, Japanese American National Museum.

immigration migration san franciso strawberry farming

Itadakimasu 2! Um Novo Gostinho da Cultura Nikkei

Leia as histórias Itadakimasu 2! >>

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation