Como as pessoas veem o casamento com um não caucasiano (Japonês)

Quatro irmãs que se casaram com estrangeiros (Japonês) Amor filial (Japonês) De como fomos discriminados em San Francisco (Japonês) Saudades de casa (Japonês) Os filhos e a língua japonesa (Japonês) Arrependimento (Japonês) Como conheci o meu marido (Japonês) Como as pessoas veem o casamento com um não caucasiano (Japonês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Japonês) Chegando na América as pessoas perguntavam. Senhores e senhoras isseis, pessoas muito boas, todos pensavam que eu era muito jovem e falavam: “Como você é uma boa moça!” Quando ia ao bairro japonês em San Francisco para comprar um pouco de produtos alimentícios, me perguntavam: “Você é uma boa moça, de onde é?”. E eu respondia: “Eu não sou tão nova, tenho dois filhos” e todos se surpreendiam. E durante a conversa, ao falar sobre o meu marido, a pergunta era sempre esta: “Mas por que foi casar com negro?”

Data: 17 de setembro de 2014
Localização Geográfica: Califórnia, Estados Unidos
Interviewer: Izumi Tanaka
Contributed by: Watase Media Arts Center, Japanese American National Museum

international marriage marriage war bride

Kizuna 2020: Bondade e solidariedade nikkeis durante a pandemia da COVID-19

Leia as histórias e compartilhe as suas!

Mais do Que um Jogo: Esporte Nikkei

O prazo para o envio de artigos até 31 de outubro.

Leia as histórias Esporte Nikkeis >>

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation