Falando Publicamente (Inglês)

Influência do Pai (Inglês) Resposta ao 11/09 (Inglês) Musical Allegiance (Inglês) Estereótipos Asiáticos (Inglês) O Casamento de George & Brad (Inglês) Mãe de George & Brad (Inglês) Envolvimento em Direitos Civis (Inglês) Falando Publicamente (Inglês)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Inglês) Durante esse tempo, quando eu era ativo em todos esses outros movimentos de justiça social, eu era omisso sobre a questão que era orgânica para mim. Eu era gay. Mas eu queria a minha carreira de ator. E eu sabia naquele momento que era bobagem para mim, ficar fora, porque eu não teria uma carreira. E então fiquei em silêncio sobre isso.

Mas, então, o flagelo da AIDS atingiu [o mundo]. E os amigos que eu conhecia começaram a ficar doentes e ficando esqueléticos. Parecendo fantasmas. E então eles morreram. Foi um período horrível. E assim, apesar do fato de que eu ainda estava buscando uma carreira de ator, apoiei o movimento de AIDS com dinheiro, e Brad e eu marchamos em passeatas de AIDS. Mas estávamos na categoria de aliados. Ainda enrustidos. Até que a legislatura da Califórnia fez uma coisa inovadora.

Massachusetts obteve a igualdade no casamento em 2004, mas que veio através de via judicial. Na Califórnia, ambas as casas de nossa legislatura, o Senado e a Assembléia, aprovaram a Lei de Igualdade no Casamento, e tudo o que precisava para se tornar lei do Estado era a assinatura do nosso governador, que passou a ser Arnold Schwarzenegger. Uma estrela de cinema. Que fez campanha dizendo: "Eu sou de Hollywood. Eu trabalhei com gays e lésbicas. Alguns de meus melhores amigos são gays." E então pensei que certamente ele assinaria isso.

Mas quando ele vetou, jogando por sua base direita republicana, meu sangue estava fervendo. E, no entanto, eu não estava fazendo nada sobre isso. Naquela noite, estávamos assistindo ao noticiário tarde da noite e vimos todos os jovens transbordando para Santa Monica Boulevard, detonando o veto de Arnold Schwarzenegger. Descarregando nele. E lá estávamos nós em casa, confortáveis. Assistindo notícias na TV. E assim, conversamos sobre isso e decidi que precisava falar sobre isso. Porque chegamos tão perto. E para eu fazer isso, minha voz tinha que ser autêntica e eu falei com a imprensa pela primeira vez como um homem gay. E, por extensão, esse se tornou o meu ato de participação na democracia.

Data: 3 de fevereiro de 2015
Localização Geográfica: Califórnia, Estados Unidos
Interviewer: John Esaki, Janice Tanaka
Contributed by: Watase Media Arts Center, Japanese American National Museum

activism democracy equality LGBT social justice movements

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation