Existe uma cultura nikkei? (Espanhol)

Transcrições disponíveis nas seguintes línguas:

(Espanhol) Em termos de leitura biológica, sim. Somos a comunidade com a maior quantidade de artistas gráficos ou de artes plásticas, já que todos os pintores, escultores, se identificam como nikkeis. Não é que sejam descendentes de japoneses; eles se referem a si próprios como descendentes de japoneses, incorporando a influência de algum detalhe de suas raízes nos temas de suas obras. Me sinto convencida de que há uma cultura nikkei, como há uma cultura de mulheres, como há uma cultura negra, uma cultura gay, uma cultura heterossexual. O detalhe é que [essa cultura] tem que transcender o aspecto biológico. Por exemplo, o pintor Rhonny Alhahel—que não é nikkei—diz que pinta como japonês. É interessante. Creio que existe [uma cultura nikkei,] sim, e não se deve mistificá-la ou negá-la.

Data: 26 de fevereiro de 2008
Localização Geográfica: Lima, Peru
Interviewer: Harumi Nako
Contributed by: Asociación Peruano Japonesa (APJ)

culture identity nikkei

Receba novidades

Cadastre-se para novidades por e-mail

Journal feed
Events feed
Comments feed

Apoie o projeto

Descubra Nikkei

O site Descubra Nikkei é um lugar once você pode se conectar com outras pessoas e assim participar nas experiências dos nikkeis. Para continuar a manter e expandir este projeto, nós precisamos da sua ajuda!

Maneiras de ajudar >>

Projeto do Japanese American National Museum

Patrocinador principal: The Nippon Foundation