カツオ・ヒグチ

(Katsuo Higuchi)

サンパウロ州ツッパン生まれの日系二世。法律大学卒業労働問題専門。50年間人事畑のエクゼクティブ・ビジネスマン。ビジネスコンサルタント。ニッポ・ブラジル新聞のコラムニスト。

(2017年6月 更新)

 

community pt

O encanto das “feiras livres”

Um dos hábitos prazerosos que cultivo desde jovem é frequentar as feiras livres” ou “fazer a feira” como se diz em São Paulo, cidade onde moro há muitos anos.

A “feira livre” é tradição da cultura local, como é o Carnaval, o jogo de futebol aos domingos, a pizza aos sábados, o chope às sextas feiras e o inefável café com leite e pão com manteiga na padaria da esquina. Dizem os entendidos que aquele que não se encanta com o charme de uma feira livre não sabe o que é morar nesta grande metrópole ...

続きを読む

identity pt

Fui ao Japão com 6 anos, estudei e me formei. Hoje sou um cidadão japonês

A história de Clayyton, sansei, hoje com 28 anos, é mais um exemplo de jovens brasileiros que deixaram o Brasil nas décadas de 80 e 90, em direção ao arquipélago japonês atrás da expectativa de uma vida melhor.

Ao contrário dos avós que desembarcaram em  nosso país no início do século XX, como imigrantes ávidos à procura de novas oportunidades e “riquezas” como as autoridades japonesas apregoaram naquela época, os“dekasseguis” daqui tiveram que fazer uma viagem oposta, buscando o Japão como derradeira alternativa à falta de emprego no Brasil, imaginando ...

続きを読む

community pt

Co-Housing, o sonho realizado por um grupo de nikkeis brasileiros

Nikkeis de São Paulo conseguem colocar em prática um sonho acalentado por muitos hoje em dia, principalmente aqueles que estão próximos da tão esperada aposentadoria. 

Vivendo em uma grande metrópole, quem já não pensou morar em um local aprazível, longe da agitação, quem sabe num condomínio tranquilo ou algum recanto onde o verdadeiro sentido de comunidade fosse prioridade? 

E, essa aspiração se fortalece mais claramente ao constatar que, no futuro, os filhos vão ter que cuidar de suas vidas, não disporão de tempo para outras coisas ...

続きを読む

identity pt

Famílias brasileiras no Japão - A luta (difícil) pela integração

Como nissei, tenho orgulho de minhas origens e valorizo demais os princípios e valores que recebi de meus avós e de meus pais, os quais, apesar da simplicidade e da vida sofrida e humilde que tiveram, transmitiram-nos conceitos valorosos sobre honestidade, dedicação, disciplina. E, a admiração pela cultura japonesa. Causa-me desconforto, por consequência, qualquer notícia sobre desentendimentos, insatisfações e conflitos que envolvam a população nipo-brasileira no Japão.

Com o advento do fenômeno “dekasseguis” iniciado há mais ou menos 30 anos atrás, sempre me preocupei com a problemática da ...

続きを読む

identity pt

SABER ENVELHECER ... é uma arte

AIKO tinha apenas seis anos quando desembarcou com os pais e mais três irmãos no Porto de Santos (SP), no ano de 1927, proveniente do longínquo Japão. Apenas o irmão mais velho não os acompanhou por estar cursando faculdade. Naquela época, dizia-se no Japão que o Brasil era um país enorme, com muita terra, um lugar muito bom, com muitas riquezas.

Criança ainda, iletrada e com um mundo de incógnitas e temores pela frente, misturado com sonhos e esperanças próprios da idade, logo deparou com a dura realidade ...

続きを読む