Silvia Lumy Akioka

Silvia Lumy Akioka is a Brazilian Sansei. She was a dekasegui at age 17, and on another occasion, she was an Exchange Student in Fukuoka Prefecture, when she published the series "The Year of a Brazilian Across the World" (Portuguese only) - it was her first contact with Discover Nikkei. She is an admirer of Japanese culture, and she also likes blogging about other themes. She was in Los Angeles volunteering for Discover Nikkei in April 2012, and she has been an official consultant for the project for 6 years.

Updated February 2019

community pt

The year of a Brazilian across the world

Capítulo 4: Festivais japoneses no verão

O Japão é um país de muitos festivais tradicionais. Em geral, são chamados de Matsuri. Acredito que estes festivais sofrem alterações e adaptações de geração para geração, mas seus fundamentos básicos permanecem. Consegui perceber que os festivais japoneses são mais do que simples celebrações. São momentos bastante esperados pelas famílias, significando um tempo para apreciar o espírito de tradição e a cultura regional ou nacional.1

Um festival pode durar vários dias. Outro dia, estava lendo que existe o Festival Kanamura, no qual os japoneses desfilam ...

Read more

identity pt

The year of a Brazilian across the world

Capítulo 3: Descobrindo Okinawa

Há anos aguardava pela oportunidade de conhecer Okinawa e por isso, este famoso arquipélago do Japão, constituído por ilhas e praias belíssimas, merece um artigo sobre ele. Felizmente, pude comprovar pessoalmente algumas de suas peculiaridades. Considerado diferente do resto do Japão por ter pertencido a um reino independente chamado Ryukyu, Okinawa acabou desenvolvendo sua cultura própria e parte de sua história é bem diferente, tendo recebido mais influências da China do que até do próprio Japão.

Depois da Segunda Guerra Mundial e da Batalha de Okinawa em 1945, Okinawa permaneceu sob ...

Read more

identity pt

The year of a Brazilian across the world

Capítulo 2: Diferenças

Ainda não vi nenhum homem, mulher ou criança obesos na cidade onde moro. Com tantos pratos gostosos e bem apresentados, fico pensando como é que conseguem se manter esbeltos, mas reparando bem nos tamanhos das porções dos produtos nos supermercados, noto que os japoneses são contra o desperdício, incentivando também o uso de refis. O país não possui uma área geográfica ampla, então acredito que se não houvesse preocupação alguma com o meio ambiente, o país só teria a perder e conseqüentemente caminharia para a autodestruição ...

Read more

identity pt

The year of a Brazilian across the world

Capítulo 1: Até logo, Brasil!

Lembro-me bem das situações em que sofri preconceito dos coleguinhas no colégio ou de desconhecidos na rua por ser nikkei. Ficava enfurecida com o fato de parecer diferente e frequentava a escola de língua japonesa com o sentimento de obrigação, já que ser nikkei parecia-me algo ruim. Ouvir comentários como “Abre os olhos, Neusa”, “Kabotcha” e “Filha de pasteleiro” faziam-me pensar se eu era pior ou até melhor que os outros.

Contudo, apenas com o passar do tempo e amadurecimento, percebi que nós, nikkeis, carregamos conosco a mistura da alegria brasileira com a educa ...

Read more